Criação de relações de mentoria bem-sucedidas

Organizações ao redor do mundo descobriram que a implementação de um programa de mentoria pode guiar a níveis mais altos de comprometimento dos colaboradores, intercâmbio de conhecimento e retenção de pessoal. Com esse tipo de benefícios, não é de se admirar que 71% das companhias da Fortune 500 ofereçam programas de mentoria aos seus colaboradores.

Para capitalizar os benefícios de um programa de mentoria, há fatores importantes a serem considerados, pois determinarão o nível de sucesso de seu programa. O mais importante deles é o sucesso das relações de mentoria de seu programa. 

O impacto das relações de mentoria em seu programa

A mentoria está focada em desenvolver parceria de colaboração mutuamente benéfica para alcançar metas específicas.  Essas parcerias são denominadas relações de mentoria e estão compostas de um mentor e um mentee, sendo as relações o alicerce de qualquer programa de mentoria, pois aqui é onde ela é desenvolvida.

Mediante relações de mentoria bem-sucedidas, sua organização pode:

  • Melhorar o comprometimento e o desempenho dos colaboradores
  • Reafirmar a postura de que você está comprometido com o desenvolvimento dos colaboradores
  • Criar uma cultura que fomente ideias frescas e inovadoras
  • Demostrar às partes interessadas que você possui um programa de mentoria ativo e bem-sucedido implementado

O sucesso do programa de mentoria depende em grande parte do sucesso geral das relações de mentorias. Com a finalidade de triunfar neste objetivo, essas relações devem ser geridas e cultivadas, e esse processo começa com a correspondência entre os mentores e os mentees.

Fazer a correspondência entre mentores e mentees para alcançar uma relação bem-sucedida

Fazer a correspondência entre mentores e mentees é um dos passos mais críticos na implementação de um programa de mentoria. Quando não há uma correspondência efetiva entre os participantes, não se atinge o nível de sucesso necessário para produzir um retorno. Apesar de não haver garantia de que uma correspondência terá sucesso, ao adotar uma abordagem proativa, a probabilidade de alcançar o sucesso aumentará.

As melhores práticas na correspondência da mentoria

Se não existe um processo de correspondência planejado, o número de relações de mentoria malsucedidas aumentará.  Compartilhamos, a seguir, algumas das melhores práticas que impactam a efetividade desse processo:

1. Recrutar mentores e mentees qualificados

Somente recrute mentores e mentees que estejam qualificados para participar no programa de mentoria. Por exemplo, se está sendo implementado um programa de mentoria para alcançar o desenvolvimento da liderança, deve-se ter um mentor qualificado como líder sênior ou de alto escalão dentro da organização.

É de suma importância certificar-se de que seus mentores sejam devidamente qualificados.  Deve-se contar com mentores capazes de compartilhar conhecimento dentro da organização ou de uma função específica. Não obstante, as qualificações devem ser superiores a isso e os mentores devem possuir as habilidades e destrezas que coincidem com o tipo de programa que você está criando e com as necessidades dos mentees desse programa.

2. Criar critérios clarosde correspondência

Seus critérios de correspondência ajudarão a determinar a melhor forma possível de associar seus mentores e mentees.

Os critérios de correspondência padrão incluem:

  • Nível de carreira
  • Função comercial
  • Cargo
  • Habilidades relacionadas com o cargo
  • Habilidades interpessoais 

Ao criar esses critérios, leve em consideração os objetivos de seu negócio, por exemplo, se seu objetivo comercial é criar uma equipe de liderança diversa, deve incluir a origem étnica ou o gênero em seus critérios de correspondência.

3. Especificar que tipo de correspondência realizará 

Existem três tipos comuns de correspondência de mentores e é importante escolher o que funcione melhor para seu programa de mentoria.

  • A autocorrespondência é produzida quando os participantes do programa escolhem a pessoa com quem vai trabalhar na mentoria. Este tipo de correspondência funciona bem para os programas de mentoria mais inclusivos e simplificados.
    A autocorrespondência permite que o mentee escolha o mentor preciso que melhor se ajuste ao seu desenvolvimento, o que tende a alcançar uma relação mais frutífera e bem-sucedida. Porém, ao não ter o apoio da administração, os objetivos comerciais de sua empresa não são uma prioridade quando a correspondência é feita.  
  • A correspondência administrativa ocorre quando os administradores do programa têm o controle completo sobre os mentores e mentees que formam pares. Este tipo de correspondência é benéfico quando um programa de mentoria possui objetivos muito específicos, como observado em um programa centrado na diversidade e na inclusão.
    A correspondência administrativa assegura que os objetivos comerciais sejam levados em consideração com cada correspondência. Porém, o processo pode consumir muito tempo. Também não existe a garantia de que este estilo de correspondência coloque os participantes em uma relação que funcione para suas necessidades pessoais de mentoria.
  • A correspondência híbrida é uma combinação entre a autocorrespondência e a administrativa. Este tipo de correspondência dará a você o melhor dos dois mundos. Os administradores podem garantir que os objetivos comerciais serão levados em consideração enquanto os mentees podem escolher o mentor mais qualificado.

A implementação do software de mentoria para facilitar a correspondência. Software de mentoria dá a você a possibilidade de otimizar o processo de correspondência. Com o software, são utilizados algoritmos que analisam os critérios de correspondência e sugerem a relação mais conveniente. O software de mentoria também permite monitorar o progresso de cada relação de mentoria por meio da ferramenta de monitoramento. Os dados que estão nessa ferramenta podem ser usados para gerar relatórios e, assim, analisar o sucesso de seu programa de mentoria. Os relatórios mencionados são úteis para mostrar às partes interessadas o valor de cada correspondência bem-sucedida.

4. Monitorar as relações de mentoria após a correspondência 

As relações de mentoria tendem a durar de 8 a 12 meses.  Historicamente, observamos que as relações que duram menos de 6 meses não são o suficientemente longas para que haja um verdadeiro desenvolvimento. Contudo, uma relação que dura mais de 12 meses tende a estagnar.  

É importante que todo o processo da relação de mentoria seja monitorado, não somente na fase inicial de correspondência. Os mentores e mentees associados precisarão de sua ajuda para manter uma relação bem-sucedida.

Relações de mentoria malsucedidas

É uma realidade que nem toda correspondência de mentoria resultará em uma relação bem-sucedida. As razões pelas quais uma relação de mentoria não funciona variam. Algumas das mais comuns são:

  • O mentee foi simplesmente correspondido ao mentor equivocado. Não importa quantos planos tenham sido preparados, as correspondências desfavoráveis podem ocorrer.
  • O mentee e o mentor carecem de suficiente treinamento para levar suas funções a cabo. Uma boa forma de prevenir isso é fornecer capacitação aos participantes antes de iniciar a relação de mentoria.
  • Ausência de critérios de qualificação definidos. Os mentores e mentees devem começar a relação sabendo dos critérios com os quais foram correspondidos.
  • Um dos participantes deixou a organização. Dado que a mentoria é normalmente um programa interno, é pouco comum que uma relação continue quando um dos participantes deixa a empresa.
  • O comprometimento já não se mantém. Às vezes, um mentor ou um mentee já não estão dispostos a se comprometer com o tempo que se requer para participar na relação.
  • Expectativas pouco realistas. Infelizmente, já vimos relações fracassar muitas vezes porque os mentores e os mentees têm expectativas pouco realistas sobre os resultados. Seja franco com seus colaboradores sobre as metas de seu programa de mentoria. 

É de sua responsabilidade ajudar o mentor ou o mentee a finalizar a relação de mentoria malsucedida e conseguir uma nova correspondência. Porém, antes disso, ajude-os a determinar o porquê de a primeira relação não ter funcionado. Isso permitirá que todos se ajustem aos critérios e às expectativas que deverão ser consideradas para a nova correspondência.

 


Na Insala, temos mais de 20 anos de experiência e isso nos permitiu desenhar e desenvolver um software de mentoria que atende às necessidades diretas de nossos clientes. Os objetivos exclusivos de sua organização serão implementados de tal maneira que suas metas possam ser alcançadas. O software de mentoria da Insala junto com os nossos 20 anos de experiência ajudará você a desenhar e implementar um programa de mentoria bem-sucedido. Solicite uma demonstração para saber mais sobre como o software de mentoria pode beneficiar sua organização.

Explore our Career Development Resources

Share: